Trata-se de um aparelho que registra e monitora continuamente a concentração de glicose no tecido subcutâneo e que fornece informações detalhadas sobre os padrões de oscilação de glicemia do paciente Hoje o método padrão para o tratamento do diabetes envolve a avaliação das taxas de glicose no sangue medidas através dos tradicionais medidores de glicose e de suas tiras. Infelizmente, tais medidas quase sempre não proporciona informações suficientes para adequadamente controlar o nível de glicose no sangue. O sistema de monitoramento contínuo de glicose foi aprovado pelos médicos para uso em 1999 e provê 288 medições de glicose a cada 24hs de uso.
Voltar Sistema de Monitorização Contínua de Glicose.O sistema de monitoramento contínuo de glicose é inserido no tecido subcutâneo de maneira semelhante aos conjuntos de infusão de insulina usados na terapia por bomba de insulina, sendo que as medições ocorrem a cada 10 segundos. O monitor, no mesmo estilo de um Holter, armazena os dados enviados pelo sensor, incluindo as médias a cada intervalo de 5 minutos, sendo que estes dados podem ser transferidos, por um profissional de saúde, a um computador afim de se obter a análise retrospectiva. Pacientes geralmente usam o sistema de monitoramento contínuo de glicose por períodos de 24 a 72 horas.